Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

26
Fev15

A aparatosa queda de Madonna nos Brit Awards

madonnabritawards.jpg

Ontem, o palco do O2 Arena de Londres acolheu os Brit Awards  para eleger os melhores da música britânica. Sam Smith e Ed Sheeran levaram para casa os prémios «Melhor Artista Britânico Masculino».

Madonna era uma das presenças mais aguardadas da noite que tão cedo não sairá da memória dos que a viram. É que a atuação de Madonna na gala do Brit Awards 2015 não correu da melhor forma. A cantora, de 56 anos, tropeçou na capa que usava e caiu do palco. Híper profissional, a artista levantou-se e continuou o seu espetáculo como se nada tivesse acontecido.

Mais tarde, a própria emitiu um comunicado onde disse estar bem e explicando que a respetiva capa (da Armani) estava «demasiado apertada». «Nada pode parar-me e o amor realmente ajudou-me a levantar», escreveu na rede social Instagram, numa referência à letra da música interpretada durante a cerimónia.