Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

09.01.17

E a vírgula?

15965251_1226003264119992_1495608750855760951_n.pn

 

A Câmara de Lisboa precisa urgentemente de alguém que lhe reveja e corrija os textos. Depois de um erro em inglês nos cartazes da Web Summit, a edilidade colocou por toda a cidade 500 mupis com a inscrição «Obrigado Mário Soares», em homenagem ao antigo chefe de Estado português.

 

O sentido da frase implícita nos cartazes é que Mário Soares foi obrigado e penso que não é isso que se pretende afirmar, mas sim fazer um agradecimento ao antigo Presidente da República.

 

Para a próxima convinha escrever «Obrigado, Mário Soares». E não, não é um preciosismo. É que a falta de uma simples vírgula faz toda a diferença, porque muda completamente o significado da frase.