Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

15
Mar17

Encontrou o carro sujo de poeira?

img_757x498$2017_03_15_12_10_05_608749.jpg

 

Hoje de manhã quando entrei no carro reparei que estava coberto de poeira. Não dei grande importância ao assunto, atribuindo ao facto de, provavelmente, ter chovido durante a noite.

 

O Correio da Manhã, sempre em cima do acontecimento, dá a seguinte explicação: «Na região de Lisboa, a explicação terá a ver com os fortes ventos que se fizeram sentir nos últimos dias, que projetaram as poeiras para o ar. O abrandamento do vento fez agora o pó regressar ao chão, para incómodo dos que encontraram os carros muito sujos pela manhã».

 

Fiquei esclarecida!