Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

06
Mar16

O Sporting poderá ontem ter entregado o campeonato ao Benfica

513920542.jpg

Num jogo de «mata-mata» podemos resumir o jogo numa frase: «quem não mata, morre». É que Bryan Ruiz entregou de bandeja, se me é permitida a expressão, o campeonato ao Benfica, porque quem desperdiça dois golos praticamente feitos, um deles de baliza aberta, ficará claramente ligado pelos piores motivos à história deste Campeonato! E não é caso inédito, pois já em Guimarães falhou outro golo idêntico! Ou seja, Ruiz é o responsável por cinco pontos perdidos nos últimos dois jogos!

O Benfica dispôs apenas de uma oportunidade de golo, um remate fraco de Samaris em que a bola ressaltou em William Carvalho que por sua vez escorrega e permite a Mitroglou faturar. Este momento juntamente com um remate de Renato Sanches ao lado foram os lances de ataque, que me lembre, em 95 minutos da partida por parte do Benfica! Muito pouco, mas chegou de facto!

Outro aspeto determinante foram as substituições efetuados sem critério e sem nexo, quando o Benfica estava desde o início da 2ª parte encostado ao seu reduto. Se Bruno César não fez um jogo deslumbrante, a entrada de Téo voltou a não resultar, o colombiano, neste momento, nada acrescenta à equipa, é como se estivéssemos a jogar com dez jogadores. É nestas alturas que mais se faz sentir a falta do talentoso Fredy Montero! Afinal foram buscar Buarcos para suprir a sua ausência e nem sequer é opção! 

Por fim, uma palavra para Renato Sanches. Pese embora seja um miúdo de 18 anos e naturalmente com falta de maturidade, não se pode permitir uma entrada daquela dureza, podendo lesionar gravemente o seu colega! Inadmissível! Deveria seguramente ter sido punido com o cartão vermelho.

Finalmente e como referi no post anterior, penso que o Benfica poderá ter conquistado em Alvalade o ânimo e a confiança de que necessita para se sagrar campeão, devido à proteção que tem da arbitragem, por via até do calendário mais favorável de que dispõe.

No entanto, esperava mais deste Benfica que jogou a segunda parte como uma «equipa pequena», fez muita contenção de bola, muito antijogo com a complacência da equipa de arbitragem. No fundo defenderam a vantagem da 1ª parte. Por tudo isto, mais do que o Benfica ter ganhado ontem o jogo e liderar o campeonato, penso que foi mais o Sporting que o perdeu e hipotecou as hipóteses de ser campeão. Foi pena! Os adeptos sportinguistas que apoiam incondicionalmente a equipa não mereciam!

1 comentário

Comentar post