Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

02
Fev16

Obrigada, Fredy Montero

600.jpg

O Sporting Clube de Portugal chegou a acordo sobre a venda do avançado colombiano Fredy Montero para o Tianjin Teda da China por 5 milhões de euros, ficando o Sporting com 20% do seu passe.

Montero chegou no Sporting em 2013. Nesse início de época marcou muitos golos. Estreou-se em Alvalade com um hat-trick frente ao Arouca (com golos de levantar o estádio) e teve um início de temporada assombroso que catapultou o Sporting para a liderança isolada no Campeonato, depois de uma época para esquecer. Apagou-se na segunda metade da época e nunca mais foi um titular indiscutível. No total fez 95 jogos e marcou 37 golos ao serviço dos leões.

Fico muito desapontada por ter saído Montero e não Teo Gutierrez. Sempre o admirei como jogador atendendo à sua inegável qualidade técnica, à sua inteligência tática associada a uma elegância na forma de estar no campo. Sei que por vezes passava ao lado dos jogos, sobretudo quando era titular, mas não esqueço que foi o colombiano que muitas vezes decidiu jogos, como no último em Alvalade frente à Académica e na conquista da Taça de Portugal.

O futebol é assim mesmo, uns saem e outros chegam. Por isso, desejo-lhe a maior sorte do mundo e estou eternamente grata por tudo o que ele deu ao Sporting.

1 comentário

Comentar post