Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

05.11.16

Web Summit Lisboa

websummit-lg.jpg

A Web Summit é uma conferência global de tecnologia, inovação e empreendedorismo que decorrerá este ano em Lisboa entre 7 e 10 de Novembro (e nos dois anos seguintes, com possibilidade de mais dois anos), onde são aguardados mais de 50.000 participantes, de mais de 165 países, incluindo mais de 20.000 empresas, 7.000 presidentes executivos, 700 investidores e 2.000 jornalistas internacionais. 66 startups vencedoras do concurso lançado pela Startup Portugal, Road 2 Web Summit vão representar Portugal na Web Summit.

 

A organização contabilizou 7.787 participantes portugueses. Mas a lista inclui ainda 7.486 inscrições do Reino Unido, 4.175 da Alemanha e 4.058 da Irlanda. Dos Estados Unidos são esperados 3.764 participantes, enquanto o número de franceses deve ultrapassar os 2.000 que deverão reunir-se nestes dias no Meo Arena e na FIL, no Parque das Nações, locais onde se vão concentrar as atividades diurnas do evento. À noite existirão eventos da Web Summit na zona do Bairro Alto e Cais do Sodré.

 

De entre os 650 oradores, estarão os fundadores e presidentes executivos das maiores empresas de tecnologia, bem como importantes personalidades das áreas de desporto, da moda e da música.

 

O apoio financeiro rondará os 1,3 milhões de euros sendo que o retorno, segundo o secretário de Estado Adjunto e da Economia poderá chegar aos 175 milhões de euros.

 

Sem dados concretos oficiais, mas com base em informações dos associados e grandes operadores, o evento de tecnologia e inovação não esgotou a oferta hoteleira em Lisboa, mas «trouxe uma procura significativa» numa altura considerada «época baixa». Prevê-se que a taxa de ocupação poderá chegar aos 90% nos dias da Web Summit.

 

Há contudo a perceção que o evento poderá ter um «efeito multiplicador» importante face ao impacto mediático internacional que o evento consegue gerar. Para já estima-se que com a Web Summit haja um impacto económico direto de 200 milhões de euros em hotéis, transportes e restaurantes de Lisboa.