Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Qua | 08.03.17

4 anos

narrativadiaria

depositphotos_53014445-stock-illustration-4-year-a

 

Foi há quatro anos sem fazer a mais pálida ideia de como isto dos blogs funciona, ou de onde isso me levaria, pus mãos à obra no Dia da Mulher e assim nasceu o «Narrativa Diária».

 

Quando comecei, foi só e apenas pela curiosidade de experimentar. Pela novidade. Depois veio a surpresa e o prazer, que me fizeram querer levar por diante esta aventura. E então afeiçoei-me ao blogue e a tudo o que ele me trouxe.

 

Este espaço onde escrevo e digo o que me vai na alma, sem me preocupar muito com o que pensam ou dizem os que me leem, é acima de tudo um lugar de opinião, de afetos e de cumplicidades, mas também de conhecimento e de aprendizagem.

 

Em quatro anos muita coisa mudou. Mudou o mundo, mudou a minha vida e mudei eu com ela. Mas aprendi muito com o blog: pensei em temas que nunca tinham passado pela cabeça e que provavelmente talvez não chegasse a pensar se não fosse o blogue. Foi como um mundo novo que se abriu e se revelou e ainda bem.

 

Como em tudo na vida, houve coisas menos boas, mas pesando o lado bom e o lado menos bom o balanço que faço é francamente positivo. Por isso acho que tenho bons motivos para celebrar e, enquanto isto me der prazer, vou andando por aqui a escrevinhar mais umas coisas.