Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Qui | 12.12.19

Ainda há esperança para a humanidade!

78761043_10220135300909799_5410167468645679104_o.j

Na verdade, algo está a mudar! A ativista sueca Greta Thunberg, de 16 anos, foi escolhida a personalidade do ano pela revista Time,  concorrendo contra Nancy Pelosi (líder da Câmara dos Representantes do Congresso dos Estados Unidos), Donald Trump (Presidente norte-americano), o denunciante anónimo que está na origem do processo de “impeachment” a Trump e os manifestantes de Hong Kong.

 

O combate às alterações climáticas e os seus efeitos é um tema que tem estado em destaque neste ano, e Greta Thunberg é uma das faces mais visíveis deste movimento. Segunda a Time, a jovem «conseguiu criar uma mudança de atitude global», organizando um movimento mundial que pede mudanças urgentes.

 

Tornou-se internacionalmente conhecida pelas mobilizações no seu país que inspiraram jovens de todo o mundo a cobrar ações concretas de governos contra as mudanças climáticas, a partir de protestos solitários que realizava diante do parlamento da Suécia, em Estocolmo, que levaram a greves escolares que se galvanizaram ao redor do globo.

 

A revista Time destacou na capa, junto à nomeação da jovem de 16 anos, o «poder da juventude». A fotografia foi tirada aquando da sua visita a Portugal.

 

Atualmente Greta está em Madrid, onde acompanha a COP-25. Desde que chegou à conferência, fez duras críticas ao assassinato de indígenas ao redor do planeta, incluindo o Brasil, o que irritou Bolsonaro e apelidou-a de “pirralha”.

1 comentário

Comentar post