Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Dom | 13.05.18

Festival Eurovisão da Canção

israel-winner-eurovisiom-e1526190863274.jpg

Israel venceu o Festival Eurovisão da Canção. A canção «Toy», interpretada por Netta e composta por Doron Medley e Stav Beger, conquistou a maioria de votos na grande final do certame que decorreu este ano em Lisboa.

 

Da letra, à música e à performance tudo me pareceu estranho. Não gostei. Mas não fui a única. Salvador Sobral, o vencedor da edição do ano passado do festival da Eurovisão, teceu críticas à canção TOY, da representante de Israel, considerada uma canção  «horrível» pelo músico português.

 

Portugal, com Cláudia Pascoal e Isaura, interpretando a canção O Jardim, ficou em último lugar, depois de  ter vencido em 2017 com Salvador Sobral.

 

Um dos momentos altos aconteceu quando Salvador Sobral e Caetano Veloso subiram ao palco e interpretaram, juntos, a canção vencedora de 2017 Amar pelos Dois.

 

Depois do oásis do ano passado, a Eurovisão voltou ao seu registo habitual: fogo-de-artifício, confettis e purpurinas.

 

Resta salientar a organização competente e sóbria da RTP e o magnífico espetáculo que proporcionou aos milhões de telespetadores espalhados pelo mundo.