Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Qua | 04.04.18

Inesquecível

 

csm_DZ4mgxoXkAEXUqM_266267a089.jpg

Se já nos faltavam adjetivos para classificar os records de Ronaldo, ontem, o capitão da seleção assinou uma verdadeira obra de arte que irá perdurar para os anais da história do futebol mundial.

 

Foi um golo colossal, de pontapé de bicicleta, contra a Juventus, na Liga dos Campeões, que deixou Buffon pregado no relvado e tem tido eco em todo o mundo.

 

Este é provavelmente o melhor golo da carreira de Cristiano Ronaldo. Está lá tudo: arte, virtuosismo, garra, ambição, trabalho. O que é bonito e o que realmente importa no futebol está naquele golo.

 

O estádio de pé rendido a este golo, a aplaudir, e o gesto de agradecimento de Cristiano Ronaldo são o maior exemplo de que deve ser o futebol.

 

Um golo para ver e rever muitas vezes!