Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Sab | 14.04.18

Miloš Forman (1932-2018)

milos.png

Faleceu o realizador Miloš Forman, figura maior da 7ª arte, aos 86 anos, nos EUA. Nasceu a 18 de fevereiro de 1932, em Caslav, na antiga Checoslováquia. Filho de judeus, aos nove anos assistiu ao extermínio dos pais no campo de concentração de Auschwitz, na Polónia.

 

Forman concluiu o curso de Cinema da Universidade de Praga, tendo iniciado a sua carreira no cinema como ator e argumentista.

 

O realizador checo  conta com uma vasta e aclamada obra cinematográfica, mas ficou sobretudo conhecido pelos filmes Voando Sobre um Ninho de Cucos e Amadeus, dois emblemáticos filmes do cinema americano.

 

Em 1963 estreia-se com o Ás de Espadas e daí até ao primeiro prémio internacional foram apenas dois anos. Em 1965 ganhou o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro com Os Amores Duma Loura e em 1968 voltaria a receber o mesmo galardão com O Baile dos Bombeiros.

 

Com a invasão de Praga pelas tropas soviéticas, Miloš Forman refugia-se em Paris em 1968 e depois muda-se para os Estados Unidos da América onde realiza, em 1971, o seu primeiro filme em língua inglesa Os Amores Duma Adolescente.

 

Em 1973, Miloš Forman participou no documentário sobre os jogos Olímpicos de Munique: Vencedores e Vencidos. Em 1975 realiza Voando sobre um Ninho de Cucos, que projeta o ator Jack Nicholson, e com o qual ganha primeiro Óscar de Melhor realizador.

 

O musical Hair (1979), Amadeus (1985), segundo Óscar para Melhor Realizador, Valmont (1989), Larry Flynt (1996) e O Homem na Lua (1999) são outros dos filmes mais conhecidos deste brilhante realizador.

 

Miloš Forman era um dos meus realizadores favoritos. Realizou alguns dos melhores filmes de sempre e é aclamado como um dos melhores realizadores da sua geração.