Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Qui | 03.07.14

O Seguro de vida de Passos Coelho

narrativadiaria

 

 

 (imagem do google)

«Eu juro que comecei a ver o debate sobre o Estado da Nação cheio de vontade de vir para aqui maltratar Pedro Passos Coelho. Afinal, a nação não se encontra em bom estado, e o próprio primeiro-ministro começou a sua intervenção em registo looney, afirmando querer construir “uma sociedade de pleno emprego”, que é daquelas coisas que talvez se pudesse dizer por alturas da revolução francesa, mas que em 2014 parece, no mínimo, deslocado. E como se tal não bastasse, Passos veio ainda com a conversa da aposta no ensino e na qualificação dos portugueses, que é promessa mais velha do que o nevoeiro de D. Sebastião, garantindo de caminho, sem se rir, que “muito já foi feito na reforma do Estado”.

Só que, quando eu já me encontrava a afiar as garras para me atirar ao discurso do primeiro-ministro, apareceu o seguro de vida de Passos Coelho – Seguro himself. E assim que ele abre a boca, não só o PS cai cinco pontos nas sondagens, como Passos Coelho fica imediatamente a parecer o maior estadista do hemisfério norte.» João Miguel Tavares , 03/07/2014, Público

1 comentário

Comentar post