Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Narrativa Diária

Não escrever um romance na «horizontal», com a narrativa de peripécias que entretêm. Escrevê-lo na «vertical», com a vivência intensa do que se sente e perturba. Vergílio Ferreira

Narrativa Diária

Dom | 06.04.14

Obrigada, Manuel Forjaz

narrativadiaria

 

Estou em estado de choque, não sei o que dizer. Manuel Forjaz deixou-nos hoje. Continuo sem saber o que dizer... é difícil dizer alguma coisa sem cair nos lugares-comuns. Por isso a única coisa que me apraz dizer, neste momento é: Obrigada, Manuel Forjaz!